Ele me beijou, pensei em você

egon schiele_autorretrato

Quando ele adentrou a minha boca, explorando meus cantos cariados, me sugando, meu puxando para fora, se alimentando dos meu líquidos, eu pensei em você.

Ele elogiou meu beijo, minha boca. Eu pensei em você. Desculpe a minha fragilidade, pensei em dizer, mas não sabia a quem me desculpar, a mim, a ele, a você. Me senti um impostor, vendo aquela boca me explorar enquanto minha memória adentrava, expandia em você. A língua dele me explorando,minhas lembranças te retendo. Eram dois movimentos dentro de mim.

Você se sente confortável dentro de mim? Você lembra como é minha boca? Entrar dentro de mim tem algum significado para você? Ou você é como eu, é sugado por um e pensa em outro.  Porque somos assim?

Na nossa troca de fluídos, algo resta de mim em você?

Todas essas questões me vinham a mente enquanto aquela boca explorava meu sexo, meu pescoço, minha virilha, meus pés. Aquela boca faminta me engolia com fome e reverência. Não mereço, quis dizer. Mas não consegui. Na sua ausência, ter ele a meus pés, ajoelhado e me sugando, era minha única alternativa para aplacar a dor da sua falta.

Pensar em você. Ter você. Supor você. Me iludir por você. Quantas bocas eu preciso ter no meu corpo para que eu não sinta falta da sua?

O que é uma boca gulosa diante de um coração faminto? Como sintonizar esses lugares. Haverá harmonia dentro de mim? Em você…em nós.

Ele me chupava, eu pensei em você.

Ele me possuía, eu pensei em você.

Ele pedia meus líquidos, eu pensei em você.

Ele queria +

e eu, você.

Pensar em você, te atrapalha? Perdoa.

Por minutos fechar os olhos e supor você em mim é o que me resta. E onde me apego. Te (re)nego.

Uma pena você não ter se encontrado na minha boca. Eu não poder dormir com seu gosto no céu da minha boca. Eu não sei que gosto ele tem, você tem. Que gosto tenho. Teríamos…

Ele quis diz, mas não quis ouvir.

Ele não é você, não será.

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Ele me beijou, pensei em você

  1. Rener Melo disse:

    “e eu, você”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s