seus 30 anos

Hoje você fez 30 anos. Olha só como você continuou vivendo apesar de. Entrar na turma dos trinta não é fácil. Você percebe que a jovialidade, a imaturidade e certo descompromisso devem ficar para trás – mas isso você ficou sabendo há tempos atrás, certo?
Você nunca teve problemas com a beleza, mas depois dos trinta a energia muda. Pois supostamente você vira um homem – sempre te vi como um – não mais um jovem de vinte e tantos anos. Sente-se falta de algo mais seguro, mais concreto, mais sólido. Muitas pessoas melhoram, eu achei que melhorei. Você pode melhorar mais?
Sei que com a morte do seu melhor amigo suas necessidades ficaram mais abalada pela ausência de noticias inspiradoras e promissoras. E eu não bastei… Você se implodiu por dentro, mas não caiu. Seguiu, como um zumbi, mas seguiu. Pois é isso que fazemos quando não sabemos o que fazer, continuamos. Torto, aos pedaços, sem destino.
Espero que você tenha encontrado motivos para celebrar os seus 30 anos. Aqui foi feriado, automaticamente seria festa caso estivesse por “aqui”. E ai?
Com 30 anos eu ainda não tinha visto um show da Madonna, não tinha saído da casa da minha mãe – ela já me via como um fracassado, não tinha terminado a faculdade. Meu melhor amigo era vivo. Já tinha feito o “Réquiem…” minha primeira peça que me realizou completamente. E não tinha me apaixonado tão livremente – o Saulo me fez bem, penso agora – para então poder te amar.
O que a gente sabe do amor aos 30?
Espero que você saiba que algumas coisas são pontuais.
Quem ama não desama – aprendi com o 1°
Quem ama aceita – aprendi com o 2°
Quem ama quer cuidar – aprendi com o 3°
Quem ama aproveita os momentos, preza a liberdade, a individualidade – aprendi com o 4°
Quem ama, quem acredita que ama, tem uma pitada de loucura no desejo, para que as vontades se realizem. Quem quer amar se entrega no desejo, para que as vontades de realizem. Ou como o Marco dizia: “Deixa eu acreditar que sim Rodolfo. Se você não me quiser, ok. Mas pelo menos vivi isso intensamente” Eu deixei. – isso aprendi com seu melhor amigo.
E ele nem passou dos 30, virou lembrança antes.
Eu já tinha passado dos 30 quando “te encontrei”, quando nos encontramos. Eu já tinha passado…
Que o amor seja possível para ti de alguma forma, porque sei que ele será o combustível para todo o resto. Que você tenha uma saúde equilibrada e vigorosa. Que esteja mais bonito e charmoso – ninguém resisti a essa qualidade, e ela é rara em homens. Que você possa permanecer de alguma forma.
Seu pai e sua irmã permanecem ao seu lado? Espero que sim. E seu gatinho?
E suas “casas”? Você quebrou tudo e se quebrou inteiro, mas viveu farpado entre os cacos e sobreviveu e fez 30 anos. Parabéns!!!
Meu presente/eu…permanece mofando na gaveta, no canto do quarto, fragmentado entre os textos do blog, recordações soltas por ai, dentro da minha memória, embolorando minhas esperanças, numa cidade tediosa.
Renove-se. Renasça. Permaneça. Acredite. Vá atrás do que deseja. Arrisque – se. A vida é curta, frágil e perigosa. Então faça dela algo justificável. Faça valer estar vivo hoje. Essa chance de você ainda poder ser tudo aquilo que sonhou. Se torne possível. Acessível. Abra caminhos dentro de ti e ao redor.
Quando fazem aniversário gosto de dizer: Feliz Ano Novo.
Pois é a chance de poder fazer tudo diferente. Então faça… seja corajoso e aja. Vá ser feliz da forma como puder, quiser e precisar.
c/ amor
Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s