Arquivo do mês: janeiro 2014

Joe

Cada vez que os anos passam me sinto cada vez mais idiota quando tenho que palpitar sobre a sexualidade alheia. O pior não é quando a minha opinião é solicitada, e sim quando eu acho que posso omitir opinião. Ando … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Não sei aonde ele foi parar

A primeira lembrança que tenho dele, é ele me ‘medindo’. Estávamos os dois numa cidade diferente e de certa forma abertos para o novo. Foi imediato. Não sei quando começamos a conversar naquela noite, só sei que não paramos. Juntamos … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

“Não posso me matar…”

Um amigo talvez esteja morrendo. Outro tentou se matar e foi salvo a tempo. Uma amiga passou noites de 2013 confabulando a melhor forma de se suicidar – mereceu até um post aqui no blog. Minha afilhada foi para cima … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

No vão da cama

Sempre achei bonito as pessoas que dormiam em camas de casal, pois na minha cabeça de criança, a cama era um lugar de cumplicidade e acolhimento. Sim, sabia que as pessoas transavam e roncavam e chutavam dormindo, mas sempre quis … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Amores Roubados

O que mais me chamou a atenção logo quando comecei a assistir “Amores Roubados” não foi a “gostosura” de Cauã Raymond (Leandro) e nem o trabalho de Jesuita Barbosa (Fortunato), o eleito da vez, e sim a reunião de histórias … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Sim, eu gostaria

No final do ano fui questionado pela mãe de uma amiga: você não gostaria de ter uma relação? Um companheiro? Não, ela não sabia do meu passado, havia me visto poucas vezes e intuiu minha vida solitária. É, ‘tá’ na … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Cerimônias de um deus – o ator

por Wellington Júnior A apresentação de Rodolfo Lima na Mostra Capiba de Teatro foi a coroação do traçado curatorial desse ano – trazer para a cena o olhar dos solos e monólogos. A pesquisa estética desenvolvida por esse ator traduz … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário