Outros (con)textos para o “Réquiem…”

Ah! Essa palavra de desgrenhados cabelos, enormes olhos e trêmulas mão. Melodrámatica palavra, de voz rouca igual à daquelas mulheres que como dizia John Fante, só a adquirem depois de muitos conhaques e muitos cigarros. Eu quero sê-la. (No Centro do Furacão)

Relendo o primeiro caderno de anotações do Réquiem para um rapaz triste, me deparo com frases que não entraram na montagem, mas estão lá, como referências. Todas as frases neste post são retirada de contos de Caio Fernando Abreu

(…) não cabe dentro de mim, da minha arquitetura de frágil, de mulher magra, as pernas finas suportando não sei como os ombros e o tamanho dos olhos (…) – (Fotografias)

Encontrarás a moça vestida de azul –  (Ponto de Fuga)

Eu chorava, no começo eu chorava e não entendia, apenas não entendia, e não entender dói –  (O mar mais longe que vejo)

Tenho vontade de gritar que essa dor é só minha, de pedir que me deixem em paz e só com ela, como uma cadela e seu osso – (Lixo e Purpurina)

Eis que encosto a cabeça no banco, apanho um cigarro e trago, longamente. Eis depois que solto a fumaça de um jeito que não sei se é sopro ou suspiro. Eis – (Itinerário)

Mas seria amor? Não seria a reação histérica de uma mulher que, compreendendo sem eu foro intimo sua inaptidão para o amor começa a representar para si própria a comédia do amor? Pois é. –  (05/03/85)

Só eu sei que cheguei à humildade máxima que um ser humano pode atingir: confessar a outro ser humano que precisa dele para existir – (O Rato)

Gosto de vomitar, é um pouco como se conseguisse chorar (Luz e Sombra)

Saudade é uma coisa azul e amarga, com carne por fora e espinho por dentro - (24/06/69)

 

Os créditos da fotos pertencem a ( de cima para baixo):

Patricia Barcelos – no extinto Instituto Jovem (SP)

Elói Corrêa – no Teatro Gamboa nova (BA)

Rui Padoim – no Casarão do Belvedere (SP)

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s