Arquivo do mês: julho 2010

Trilha Sonora da peça “Réquiem…”

  Na primeira concepção do Réquiem, que estreiou como ensaio aberto, no Teatro de Arena Eugenio Kusnet em Outubro de 2002, havia uma trilha sonora que acompanhava a solidão de Alice. Quando levei a peça para o Festival de Curitiba … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Divagações sobre a paixão alheia

(o e-mail abaixo foi enviado para três amigas em Abril. Como a paixão, os sentimentos do coração e a busca do amor são recorrentes nas minhas peças, creio que tem tudo a ver com o tema do blog.)  “As meninas, igual … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Não me lembro…

Sempre lembramos de um não. De um beijo recusado. De um abraçado não dado. De um olhar fugidio, quando o que se mais queria era ter o olhar compartilhado, devassado. Com o tempo, nos esquecemos dos pesos dos nãos. Eles … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 2 Comentários

o dia que (não)amanheceu dentro de mim

Hoje vi o dia nascer. Não foi romântico, alegre ou novidade. Estava aflito e fui para frente do mar, para ter uma noção exata do que se passa. Não, não há certezas. Eu que sempre sonhei com estabilidade vivo instável. … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

O amor, um dia

  O principio do amor – para mim – é a aceitação. Quando temos a generosidade de entender as nuances do outro; a aceitar os defeitos diários – que nos fazem únicos e singulares; a buscar compreender, antes de julgar; … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Ivania Davi

Embora meus trabalhos sejam monólogos e eu siga praticamente sozinho depois que eles estréiam, algumas pessoas tiveram importância relevantes no trabalho, não só pela presença funcional, mas por toda a trajetória. Uma delas é Ivania Davi, a diretora do “Réquiem … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

O(s) quarto(s) da Alice

O monólogo “Réquiem para um rapaz triste” já passou por vários locais. Teatro, cursinho pré-vestibular, anfiteatro, quintal, quarto, sala, quadra de esportes e até uma praça pública, o vale do anhagabau. Alguns desse locais abaixo:        

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário